sábado, 18 de outubro de 2008

Cogumelos silvestres


Os cogumelos são fungos que crescem espontaneamente em todos os tipos de bosques, principalmente na Primavera e Outono, época em que as condições climatéricas lhes são favoráveis. A maior partes dos cogumelos são comestíveis e bastante apreciados na mais requintada gastronomia, mas também os há venenosos, pelo que há necessidade de ter um grande conhecimento para a sua colheita. A elevada procura de cogumelos silvestres, quer para a gastronomia quer devido aos seus efeitos medicinais, leva a que a colheita destes se faça de forma intensiva e descontrolada pondo por vezes em causa alguns ecossistemas.

As florestas transmontanas possuem uma micoflora bastante diversificada e é fácil encontrá-los por entre os castanheiros, os carvalhos ou pinheiros. Aqui deixo algumas fotos dos cogumelos que se podem encontrar na região.

quinta-feira, 16 de outubro de 2008

Gliese



“Num universo cujo tamanho está para além da imaginação humana, onde o nosso mundo flutua como um grão de poeira no vazio da noite, os homens cresceram inconcebivelmente sós.” [1].

O ser humano, desde há muito que se questiona sobre a sua existência no universo. Será que estamos sozinhos no universo ou existem muitas outras Terras espalhadas pelo cosmos? Já foram descobertos mais de 200 planetas extra-solares, mas sem sinais de vida extraterrestre até ao momento. E sempre que surge a notícia da descoberta de mais um planeta, os nossos olhos viram-se para o céu na esperança de que esse tal planeta habitado apareça.
Em Abril de 2007 foi anunciada a descoberta do Planeta Gliese (Gliese 581C) que orbita a estrela anã vermelha (Gliese 581) na constelação de Libra. Este planeta descoberto por astrónomos europeus fica a 20,5 anos-luz da Terra, tem um diâmetro 50% maior que a Terra e com uma gravidade 1,6 superior ao nosso planeta. Os cientistas acreditam que este planeta tem condições para abrigar vida, chegando mesmo ao ponto de no passado dia 9 de Outubro alguns cientistas terem enviado através do radiotelescópio situado na cidade de Evpatoria (Ucrânia) mensagens com fotos, desenhos e mensagens de texto. Percorrendo o universo à velocidade da luz, as mensagens vão chegar ao planeta Gliese no ano 2029. Se por acaso por lá existir vida inteligente, com capacidade de entender as nossas mensagens, e se nos enviarem uma mensagem de volta, obteremos uma resposta em 2049! Ficaremos então a aguardar por notícias de um outro mundo!!

Bibliografia Consultada:
[1] – Loren Eiseley, The immense Journey (1946)
http://pt.wikipedia.org/wiki/Gliese_581_c
www.BBCBrasil.com, 09 de Outubro de 2008

sexta-feira, 10 de outubro de 2008

Rotundas de Bragança


As rotundas normalmente de geometria circular servem para regular o tráfego rodoviário, melhorando a circulação no interior das localidades. Algumas delas possuem magníficas obras de arte que embelezam o espaço urbano.

Bragança não é excepção e também tem as suas rotundas. Podemos encontrar nas principais entradas da cidade rotundas com esculturas alusivas à região. A rotunda das cantarias, no alto das Cantarias, a rotunda dos “burros”, ao fundo da Avenida do Sabor, a rotunda do Lavrador ou dos “touros” em Vale Dálvaro e a rotunda na saída da avenida Abade de Baçal em direcção a Vinhais, com um monumento alusivo ao cão de gado transmontano.

quinta-feira, 2 de outubro de 2008

Vindima


Mosto, descantes e um rumor de passos
Na terra recalcada dos vinhedos.
Um fermentar de forças e cansaços
Em altas confidências e segredos.

Laivos de sangue nos poentes baços.
Doçura quente em corações azedos.
E, sobretudo, pés, olhos e braços
Alegres como peças de brinquedos.

Fim de parto ou de vida, ninguém sabe
A medida precisa que lhe cabe
No tempo, na alegria e na tristeza.

Rasgam-se os véus do sonho e da desgraça.
Ergue-se em cheio a taça
À própria confusão da natureza.

Miguel Torga, In “O outro livro de Job